quarta-feira, fevereiro 14, 2007

.

ÉVORA DESAPARECIDA
FOTOGRAFIA E PATRIMÓNIO 1839 - 1919

.



Actividades e visitas guiadas:


> 10 de Fevereiro de 2007, 15h - visita orientada por Drª Carmen Almeida (Coordenadora do Arquivo Fotográfico de Évora), 16h - "Práticas Sociais em Évora nos finais do séc. XIX", conferência proferida pela Drª Maria Ana Bernardo ( Universidade de Évora)


> 16 de Fevereiro de 2007, 18h - "Évora desaparecida nos primeiros postais ilustrados", conferência proferida pelo Dr. Artur Goulart ( coordenador do Inventário da Diocese de Évora)


> 23 de Fevereiro de 2007, 21h30m - "A Fotografia na Literatura" - Serão no Convento (mediante inscrição, até dia 22 de Fevereiro de 2007, no Arquivo Fotográfico ou na Exposição)


> 24 de Fevereiro de 2007, 14h30m - "Processos Fotográficos Antigos", conferência e visita orientada pelo Engº Luís Pavão


"Évora Desaparecida - Fotografia e Património 1839-1919", exposição inserida nas Comemorações dos 20 anos da classificação de Évora como Património da Humanidade e que ainda pode ser visitada até 28 de Fevereiro de 2007 no Convento dos Remédios em Évora.

.

1 comentário:

termitas disse...

NO AUDITÓRIO SOROR MARIANA EM ÉVORA, 18 DE ABRIL, 21.30H

O FILME PORTUGUÊS
"WAITING FOR EUROPE" DE CHRISTINE REEH
VAI ESTREAR EM ÉVORA A 18 DE ABRIL,
COM A PRESENÇA DA REALIZADORA




O filme português “Waiting for Europe”, realizado por Christine Reeh e produzido pela C.R.I.M Produções, vai ser estreado em Évora, no Auditório Soror Mariana, no dia 18 de Abril, ás 21.30h, com o apoio do Cineclube da Universidade de Évora e da Câmara Municipal de Évora, com a presença da realizadora.

“Waiting for Europe” (À Espera da Europa”), ganhou o Best International Documentary no Festival "The New York International Independent Film and Video Festival" (apresentação de Los Angeles) e está seleccionado para a competição em Nova Iorque em Julho.

O filme rodado em Lisboa, Alcalá de Henares, Sofia e Blavoegrado, acompanhou durante dois anos, Vânia, uma imigrante do leste europeu em Portugal e Espanha. Trata-se de um retrato intimista sobre a imigração feminina.


“Waiting for Europe”, rodado em três países, Portugal, Espanha e Bulgária, foi produzido com o apoio do Instituto de Cinema, Audiovisual e Multimedia (ICAM), da RTP, do Ministério da Cultura, dos Médicos do Mundo, da Universidade de Alcalá de Henares , da Universidade Fernando Pessoa, da Câmara Municipal de Blavoegrado, do Instituto de Cinema Búlgaro, da PROFILM (Bulgária) e da Associação Aibebalcan em Espanha.

O ACIME (Alto Comissariado para a imigração e Minorias Étnicas), o Banco BES (www.bes.pt /novos residentes), a Federação Portuguesa dos Cineclubes, Associação Bulgari, e as câmaras municipais, colaboram nas estreias-debate a realizar em Portugal.


As próximas estreias-debate do filme, com a presença da realizadora, Christine Reeh, estão previstas, além de Évora, a 27 de Abril, pelas 21.30horas, no Auditório da Escola Profissional do Alto Minho, em Monção, em colaboração com a Câmara Municipal e o Cineclube de Monção.


O filme vai ainda ser estreado no Luxemburgo, a 8 de Maio, pelas 20.00horas, na Cinemateca de Luxemburgo, numa iniciativa conjunta da ASTI (Association de Soutien aux Travailleurs Immigrés) e da Cidade de Luxemburgo, com o apoio das duas centrais sindicais, da Associação de Amigos do 25 de Abril e ainda de associações de imigrantes portuguesas e búlgaras.


A revista "Cinema" da Federação Portuguesa dos Cineclubes, na sua edição Abril-Junho, nº37, publica um dossier sobre o "Waiting for Europe", que inclui uma entrevista a Christine Reeh, um artigo de André Martins, uma critica de Marta Mikolajczak, filmóloga polaca e um texto crítico de Paulo Duarte Teixeira, Presidente da Associação Jurídica do Porto e Magistrado Judicial. Na capa, Christine Reeh.